2/06/2017

FLORES PARA OFERECER


Decidi que em 2017 irei elogiar tudo aquilo que eu achar de bonito pelo caminho. Aprendi que Deus enxerga além das minhas falhas e qualidades, Ele vê o meu potencial. Jeová também sabe quando trabalho com todas as minhas energias, ofereço o meu melhor e as intenções do meu coração.

Às vezes, não conseguimos depositar coragem em nós mesmos, mas Deus nos incentiva e instrui da melhor maneira, é o que diz o Salmo 32:8: “Eu darei a você perspicácia e o instruirei no caminho em que deve andar. Eu o aconselharei com os Meus olhos fixos em você." Ele nos incentiva a fazermos o melhor que podemos e nos orienta para atingirmos o nosso potencial.

Filipenses 2:3 e 4 diz que Paulo encorajou todos os cristãos a terem interesse pelas causas dos seus irmãos: "Não façam nada por rivalidade nem por presunção; mas, com humildade, considerem os outros superiores a vocês, buscando não somente os seus próprios interesses, mas também os interesses dos outros." Podemos observar os esforços do nosso colega e prestigiá-lo por isso. Quando recebemos um elogio por algo que fizemos com tanta dedicação, nos sentimos motivados, não é mesmo? O mesmo se aplica aos outros. Eles se sentem encorajados a progredirem e darem sempre o seu melhor no que quer que seja que estejam fazendo. 

Se desejarmos incentivar alguém a alcançar o seu potencial, não devemos dedicar atenção para as suas imperfeições. Necessitamos focar nas suas qualidades e capacidades. Jesus viu boas qualidades em Pedro. Às vezes, Pedro tinha algumas atitudes de alguém com quem não devemos contar, mas Jesus notou boas características em Pedro e mostrou que ele viria a se tornar uma pessoa firme. (João 1:42) 

Em tempos de likes, sinto que falta um pouquinho mais de um "ei, eu estou observando o que você está fazendo e acredito na sua capacidade de ser sempre melhor, vai fundo e não desiste", sabe?! Dia desses, numa live lá no meu perfil  pessoal do Instagram, conversei sobre a importância que eu deposito em cada comentário gentil e de incentivo que recebo. Que não me basta só "curtir", eu preciso ir agradecer. Não estou sozinha no mundo e quando percebo que alguém, que eu nunca vi, teve a sensibilidade de vir me encorajar e escrever coisas bonitas, meu coração fica grato e isso precisa ser externalizado. A pessoa deve saber que ela me fez bem. Ó, isso não é uma regra, não julgo quem apenas curte um comentário e não responde. Cada um sabe da sua rotina, das suas limitações e externa gratidão de formas diferentes. Isso tudo pode ser uma grande bobagem para você, talvez. Mas é algo importante para mim e me basta.

Se no meu feed aparecer algo que tocou o meu coração, vou, de peito aberto, deixar carinho, incentivo e um abraço. E isso não é só no mundo online, viu? Da mesma forma que me sinto bem por ser estimulada a dar o melhor de mim tanto para Deus quanto para o que faço, é assim que quero fazer por quem passar por mim. Não importa qual é a habilidade do meu colega, farei o possível para ajudá-lo a atingir o seu potencial. Se eu vir algo de bom, elogiarei, compartilharei e falarei sobre isso. A vida é uma ciranda onde todos nós dançamos de mãos dadas.

No corre-corre da rotina, a gente perde a oportunidade de fazer e ver tantas coisas. Que nunca percamos a sensibilidade de enxergar o nosso próximo que também trava lutas, inseguranças e uma guerra contra ele próprio. Que sempre tenhamos flores para oferecer.

Malena Flores

Nenhum comentário

Postar um comentário

© Temporada das Flores
Maira Gall