2/19/2016

BOLO DE MILHO COM CASTANHA DE CAJU


Já comentei aqui que não sou a melhor pessoa na cozinha, né?! Hoje, não teremos uma receita ilustrada, fugi um pouco do padrão para trazer uma experiência que fiz e deu certo. Senti que merecia ser compartilhada.

Nesse verão, vovó teve um árduo trabalho em torrar castanhas de caju. Além de ter torrado, ela também moeu, transformando em "farinha" (que fica legal pôr na vitamina de banana, com iogurte, frutas... e em bolos!). Parabéns e obrigada pelo empenho, vovó! ♥

Domingo, fiz bolo de milho e usei essa forma de coração (que possivelmente é mais velha que eu), achei uma gracinha! Não sou muito fã de bolos, mas desse, modéstia parte, eu gostei. Por isso, quero compartilhar contigo a receita. Vamos lá!

VOCÊ PRECISARÁ TER:
  • 3 ovos
  • 1 lata de milho verde em conserva
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 colher (de sopa) de manteiga
  • 1 colher (de sopa) de fermento em pó
  • 1 pacote (ou 100g) de coco ralado
  • castanhas de caju (quantos sua consciência pedir)

DIREÇÕES:
  1. No liquidificador, bata os ovos, os milhos, o leite condensado, a manteiga e o fermento em pó até que a massa fique homogênea. Se optar por fazer na batedeira, bata durante uns cinco minutos para ficar bem cremosa.
  2. Despeje a massa batida numa tigela e acrescente o coco ralado com as castanhas de caju. Use uma colher ou espátula para misturar. Ah, você tem duas opções na hora de usar as castanhas: (1) bater levemente elas no liquidificador, até que fiquem em grãos não tão pequenos ou (2) bater bem até ficar com um aspecto farinhoso. Vai do gosto. Eu usei como farinha, pois eu e painho não gostamos de  mastigar coisinhas duras. :-)
  3. Unte uma forma que você tiver em casa com farinha de trigo e manteiga, despeje toda a massa nela. Pré aqueça o forno a 180º (forno médio) e coloque a massa para assar. Geralmente leva de 20 a 40 minutos, dependendo de como seu forno funciona, isso varia. 
  4. Para saber se está assado por completo, insira um palito na massa e retire. Se o palito voltar seco, está bom. Se voltar molhado e com resíduos, deixe assar por mais um pouco de tempo.


É simples, não tem segredo. Fica uma delícia para comer no café da manhã/tarde/noite. Não fica enjoativo, pois o único ingrediente doce que vai é o leite condensado.

Espero que você experimente em casa. Se fizer, tira uma foto e me marca em alguma rede social, pode postar aqui no campo de comentários também. :-)

Ah, essa receita é da Ana Maria Braga (adoro essa mulher!). 


Malena Flores




Nenhum comentário

Postar um comentário

© Temporada das Flores
Maira Gall