8/07/2014

AJUDA DO "DEUS DE CONSOLO"

  O rei Davi passou por situações de grande angústia e teve muitos “pensamentos inquietantes”. Contudo, ele nunca duvidou que o Criador nos compreende em todos os sentidos. Ele escreveu: “Ó Jeová, Tu me esquadrinhaste e me conheces. Tu mesmo chegaste a conhecer meu assentar e meu levantar. De longe consideraste meu pensamento. Pois não há palavra na minha língua, mas eis que Tu, ó Jeová, já sabes de tudo.” — Salmo 139:1, 2, 4, 23.
  Nós também podemos ter certeza de que o Criador compreende nossa situação e os efeitos debilitantes que a depressão pode causar em nossa mente e corpo imperfeitos. Ele sabe o que causa a depressão e qual é a melhor maneira de lidar com ela nas circunstâncias atuais. Além disso, revelou como vai acabar com a depressão para sempre. Ninguém está em melhores condições de nos ajudar do que nosso compassivo “Deus, que conforta, consola e anima os deprimidos”. — 2 Coríntios 7:6, The Amplified Bible.

  Mas quando a pessoa está numa crise de depressão talvez se faça as seguintes perguntas:

SERÁ QUE DEUS É ACESSÍVEL AOS DEPRIMIDOS?
  Deus está tão próximo de Seus servos deprimidos que é como se Ele residisse com “o quebrantado e o humilde no espírito, para reavivar o espírito dos humildes e para reavivar o coração dos que estão sendo esmigalhados”. (Isaías 57:15) É muito consolador saber que ‘Jeová está perto dos que têm coração quebrantado e salva os que têm espírito esmagado’. — Salmo 34:18.

COMO POSSO SER CONSOLADO POR DEUS?
  A qualquer hora, os servos de Deus têm acesso ao “Ouvinte de oração”, que pode nos ajudar a lidar com circunstâncias e sentimentos aflitivos. (Salmo 65:2) A Bíblia nos incentiva a dizer-Lhe o que temos no coração: “Não estejais ansiosos de coisa alguma, mas em tudo, por oração e súplica, junto com agradecimento, fazei conhecer as vossas petições a Deus; e a paz de Deus, que excede todo pensamento, guardará os vossos corações e as vossas faculdades mentais por meio de Cristo Jesus.” — Filipenses 4:6, 7.

E SE, POR CAUSA DE SENTIMENTOS DE INUTILIDADE, EU ACHAR QUE MINHAS ORAÇÕES NÃO SÃO OUVIDAS?
  A depressão pode nos levar à conclusão de que os esforços que fazemos para agradar a Deus não são aceitáveis. No entanto, nosso Pai celestial é sensível à nossa fraqueza emocional, pois “lembra-se de que somos pó”. (Salmo 103:14) Mesmo que ‘o nosso coração nos condene’, podemos ‘persuadi-lo’ de que ‘Deus é maior do que o nosso coração e sabe todas as coisas’. (1 João 3:19, 20) Assim, você pode usar em suas orações expressões que encontrou em passagens bíblicas como o Salmo 9:9, 10; 10:12, 14, 17; e 25:17.


E SE EU ESTIVER TÃO ANGUSTIADO QUE NÃO CONSIGO NEM DIZER O QUE SINTO?
  Quando se sentir sobrecarregado com sentimentos esmagadores e achar difícil encontrar palavras para se expressar, não desista! Continue buscando “o Pai de ternas misericórdias e o Deus de todo o consolo”, confiando que Ele entende seus sentimentos e suas necessidades. (2 Coríntios 1:3) Maria diz: “Às vezes, quando me sinto muito confusa, nem sei sobre o que orar. Mas sei que Deus me entende e me ajuda.”

COMO DEUS RESPONDE ÀS ORAÇÕES?
  A Bíblia não diz que Deus remove todas as nossas dificuldades agora. Mas Ele nos confere poder para lidar com “todas as coisas” — incluindo a depressão. (Filipenses 4:13) “Quando tive depressão pela primeira vez”, admite Martina, “orei para que Jeová me curasse naquele instante, porque eu achava que não aguentaria mais. Mas agora entendi que basta orar pedindo força para cada dia”.
  As Escrituras são uma fonte vital de força espiritual para ajudar os aflitos a lidar com a depressão. Sarah, que sofre de depressão há 35 anos, descobriu por experiência própria como a leitura diária da Bíblia é útil. Ela conta: “Sou muito grata pela ajuda que a medicina me deu. Mas, acima de tudo, reconheço o valor prático e espiritual da leitura da Palavra de Deus, que hoje é um hábito para mim.”

DEPRESSÃO NUNCA MAIS!
  Quando Jesus Cristo esteve na Terra, demonstrou que tinha recebido poder de Deus para curar doenças graves. Jesus realmente queria aliviar o sofrimento de pessoas acometidas por essas enfermidades. Além disso, Ele mesmo conhece o desespero causado por sentimentos de angústia. Na noite antes de sofrer uma morte dolorosa, Cristo “ofereceu súplicas e também petições Àquele que era capaz de salvá-Lo da morte, com fortes clamores e lágrimas”. (Hebreus 5:7) De fato, Jesus sofreu muito naquele momento, mas isso nos beneficia hoje porque Ele entende o que sentimos e “pode vir em auxílio daqueles que estão sendo postos à prova”. — Hebreus 2:18; 1 João 2:1, 2.
  A Bíblia revela o propósito de Deus de eliminar todas as condições aflitivas que contribuem para a depressão. Ele promete: “Eis que crio novos céus e uma nova terra; e não haverá recordação das coisas anteriores, nem subirão ao coração. Mas exultai e jubilai para todo o sempre naquilo que estou criando.” (Isaías 65:17, 18) Os “novos céus” (o Reino de Deus) farão com que a “nova terra” (uma sociedade de pessoas justas na Terra) volte a ter perfeita saúde física, emocional e espiritual. Todas as doenças serão eliminadas para sempre.
“Do fundo do poço, gritei pedindo a Tua ajuda, ó SENHOR. Roguei que me escutasses, e Tu ouviste o meu grito. No dia em que Te chamei, chegaste perto de mim e disseste: 'Não tenha medo!'” — Lamentações 3:55-57, Nova Tradução na Linguagem de Hoje
CONSIDERE: Isaías 41:10; Salmo 34:4 e 6; 39:12; 40:1-2; 147:3; Lucas 12:6 e 7; 2 Coríntios 7:6 e 1 Pedro 5:7.


***

Fonte do artigo: Despertai! | Foto por Kristyna Dankova

© Temporada das Flores
Maira Gall