6/26/2014

ENCONTRE O VERDADEIRO SENTIDO DA VIDA

"Onde estiver o teu tesouro, ali estará também o teu coração." — Mateus 6:21
  Jesus disse a respeito de tesouros: “Parai de armazenar para vós tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem consomem, e onde ladrões arrombam e furtam. Antes, armazenai para vós tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde ladrões não arrombam nem furtam. Pois, onde estiver o teu tesouro, ali estará também o teu coração.” — Mateus. 6:19-21
  Em certo sentido, o tesouro terrestre de uma pessoa pode incluir prestígio, fama ou poder. Jesus destacou um ponto similar ao que Salomão enfatizou no livro de Eclesiastes: os tesouros do mundo não são duradouros. Como você provavelmente tem visto no mundo ao seu redor, todos esses tesouros são perecíveis e fáceis de perder. 
  O professor universitário Frederick D. Bruner escreveu a respeito desses tesouros: “É bem sabido que a fama é passageira. O herói do sábado passado é o ‘já era’ na temporada seguinte. O sucesso financeiro deste ano é a falência no próximo ano... [Jesus] ama os seres humanos. Ele os exorta a fugir do inevitável desespero que resulta da glória efêmera. Ela não dura. Jesus não quer que [Seus] discípulos se desapontem. ‘Todo dia o mundo gira e derruba alguém que pouco antes estava no topo dele.’” Embora a maioria das pessoas talvez concorde com essas palavras, quantas permitem que a verdade por trás delas mude o seu modo de encarar a vida? Você permitirá? 

ENCONTRE O SUCESSO DO PONTO DE VISTA DE DEUS
 Um ponto-chave é: sermos realmente bem-sucedidos não depende de nossas realizações ou de nossa posição aos olhos do mundo. Além disso, o verdadeiro sucesso não se mede por ter certas responsabilidades na organização cristã. Essas bênçãos, porém, podem ter relação com o que é realmente a base do sucesso — nossa obediência e fidelidade a Deus, que nos garante: “O que se requer desses encarregados é que sejam fiéis.” (1 Coríntios 4:2, Nova Versão Internacional) E temos de perseverar em ser fiéis. Jesus disse: “Aquele que tiver perseverado até o fim é o que será salvo.” (Mateus 10:22) Você não concorda que ser salvo é uma inegável prova de sucesso?
  Por refletirmos sobre o que consideramos, podemos ver que ser fiel a Deus não tem ligação com destaque, nível de instrução, condição financeira ou social; tampouco depende de inteligência, talento ou habilidade. Sejam quais forem as nossas circunstâncias, podemos ser fiéis a Deus. Dentre o povo de Deus no primeiro século, alguns eram ricos; outros, pobres. Para os ricos, valia o conselho de Paulo de ‘praticarem o bem, serem ricos em obras excelentes, liberais, prontos para partilhar’. Tanto ricos como pobres podiam ‘se apegar firmemente à verdadeira vida’. (1 Timóteo 6:17-19) É assim também hoje. Todos nós temos a mesma oportunidade e o mesmo dever: permanecer fiéis e ser “ricos em obras excelentes”. Nesse caso, seremos bem-sucedidos do ponto de vista do Criador e teremos a alegria de saber que o estamos agradando. — Provérbios 27:11.
  Você não pode controlar plenamente suas circunstâncias, mas pode controlar como lida com elas. Esforce-se em ser fiel, sejam quais forem as suas circunstâncias. Vale a pena o esforço. Confie que Jeová o abençoará muito, agora e para sempre. Nunca se esqueça das palavras de Jesus aos cristãos ungidos: ‘Mostrem-se fiéis até a morte, e Eu lhes darei a coroa da vida.’ (Apocalipse 2:10) Isso é verdadeiro sucesso!

***

A Sentinela, 2012 | Foto por Ines Perković
© Temporada das Flores
Maira Gall