3/20/2014

FOLHAS DE OUTONO


  Dizem que oficialmente hoje é o primeiro dia do Outono. A estação é marcada por tons terrosos, umidade e chuva. É o “noivado” do Inverno e a temporada em que as folhas secas caem para dar lugar ao renovo.
  Todos nós somos falhos e frágeis, pois somos pecadores. Há momentos na nossa vida em que tudo fica marrom e amarelado, faz bastante frio dentro da gente. Talvez nuvens carregadas tenham deixado a chuva cair sobre nós e encharcado a nossa roupa. Os amigos já estão distantes, faziam parte do tronco em que estávamos ligados e, por algum motivo, quebraram. A árvore já não está apresentavelmente bonita e exibindo força, há apenas espaços vazios e descamações na madeira. Ali, sozinha, embora esteja entre várias outras. De cima parece que ninguém a admira mais, foi rejeitada. Será? Antes estendiam um tecido xadrez sob sua sombra e sorriam, faziam festa! Hoje sobraram apenas folhas secas caídas pelo chão.
  Esta é uma metáfora real, e que me desculpem os doutores da Língua Portuguesa!

  Somos folhas secas de Outono, voando para onde o vento nos levar. O nosso tronco está em fase de reforma, deixando ir partes de si para limpar a casa. Tempo.



  Qual será a nossa condição? O Sol continua brilhando, mesmo quando o céu está nublado. A Terra está em constante viagem, passando pelo trilho em volta da grande esfera de luz. A nossa próxima parada é fria, mas não será o nosso destino, apenas faz parte do caminho. A próxima estação é a temporada das flores, onde as folhas secas já não existem mais, pois o jardim floresceu.
  Estamos todos propícios a passarmos por momentos de sequidão, pois o mundo está muito doente (existe o remédio ideal e infalível, não se preocupe). Mas para que o nosso jardim volte a florir é preciso que as folhas amareladas caiam. Às vezes precisamos deixar que coisas que não nos deixam crescer se vá e que sentimentos ruins morram para que os bons nasçam. É no deserto que nos tornamos forte, é no Outono que a esperança nasce para a terceira estação: Primavera.
  Esta pode não ser a temporada das flores, mas é o espaço de tempo ideal para a renovação. Deixe a vida velha para trás e inicie aqui  o plano de vida que Alguém muito Grande sonhou para você.
  Ah, folhas sempre secam, mas há “seres” que trabalham em espalhar o pólen e flores sempre voltam a enfeitar o nosso jardim. 

  Bom Outono, bom renovo!

***

© Temporada das Flores
Maira Gall