2/03/2014

QUANDO CHEGA A TEMPESTADE


"Cobre-me com Tuas mãos, com poder, vem me esconder, Senhor! Se o trovão e o mar se erguendo vem, sobre a tempestade eu voarei, sobre as águas Tu também És Rei. Descansarei, pois sei que És Deus..."
Eu cantei essa música, à capela, uma vez no telefone para uma adolescente. Estava na minha casa, em um sábado de descanso, não tinha viajado naquele final de semana e o meu telefone tocou e era um irmão do Espírito Santo querendo falar comigo. E ele me contou todas as circunstâncias, sua cunhada estava naquele sábado no Hospital, toda a família estava reunida e os médicos já tinham chamado todos eles e falado: "-Olha, hoje é o último dia de vida dela.”

E eu sem saber o porquê que ele estava me ligando e logo em seguida ele me explicou que aquela jovem tinha se batizado há pouco tempo na Igreja e se entregue a Jesus e gostava muito de cantar as minhas músicas. Há pouco tempo atrás ela tinha descoberto um câncer avançado na laringe e estava vivendo seus últimos dias de vida e, ela pediu para que falasse comigo.
Eu fiquei meio sem saber como reagir... Porque o que falar para uma jovem, para uma garota tão nova no seu último dia de vida? Eu não sou capaz de transmitir algo para alguém nessa circunstância. E se eu falasse para ela assim: "Olha, Deus está com você!", "Jesus ama você!" e ela rebatesse, questionasse: "Mas por que Deus está comigo se Ele está permitindo tudo isso acontecer?"?

E eu pedi um tempo, pedi para eles ligarem depois. Fiz uma oração e Deus me mostrou um versículo muito especial na Sua Palavra pra ler pra ela. Nessas alturas não existem palavras humanas capazes de confortar o coração de ninguém, só a Palavra de Deus. E eu li na Bíblia em 1 Coríntios 4, versículo 16, o seguinte:
"Por isso nunca ficamos desanimados. Mesmo que o nosso corpo vá se gastando, o nosso espírito vai se renovando dia a dia. E essa pequena e passageira aflição que sofremos vai nos trazer uma glória enorme e eterna, muito maior do que o sofrimento. Porque nós não prestamos atenção nas coisas que se veem, mas nas que não se veem. Pois o que pode ser visto dura apenas um pouco, mas o que não pode ser visto dura para sempre." 2 Coríntios 4:16-18, Nova Tradução na Linguagem de Hoje
Eu ouvi lá do outro lado um "Amém!" bem fraquinho e eu creio que aquela garota entendeu o recado de Deus pra ela naquele momento.

Sabe, nós estamos tão acostumados a entender e ouvir de pessoas que quem tem Deus não sofre, quem tem Deus não passa por tribulação, se você está com um problema é por que Deus está fora da sua vida... Não! E o que dizer dos muitos lá da galeria da fé (Hebreus 11) que com Deus, mesmo sendo fracos e fieis a Deus foram moram mostos à espada? Mesmo sendo fieis a Deus foram cortados ao meio, sofreram perseguições, acoites... E a Bíblia diz que todos estes estavam esperando algo melhor, que Deus tinha algo melhor preparado para eles.


Nós estamos perdendo muito tempo cuidando daquilo que vemos. Nós estamos perdendo muito do nosso tempo preocupados com as coisas do aqui, do agora. Com a nossa saúde física, com o nosso corpo, com a nossa casa, com os nossos bens e estamos esquecendo que Deus está nos preparando para algo diferente. Deus está nos preparando para algo que os olhos não veem, mas que durará para todo o sempre.

Deus te convida neste momento a mudar um pouco o foco da sua visão, a não olhar somente para aquilo que você consegue ver. Parece meio estranho olhar para o que não se vê, mas é assim que devemos agir quando temos O Senhor na nossa vida, pelos olhos da fé.

A Lene não descansou no Senhor naquele dia. Não me pergunte o porquê Deus permitiu que ela tivesse uma melhora e depois descansou no Senhor. Mas o que eu posso dizer é que naquele dia ela entendeu  que a sua vida e o seu espírito estavam seguros em Deus, estava segura no SENHOR. Por que o corpo pode morrer, mas aqueles que têm Deus na sua vida ressuscitarão primeiro.

Por isso, se vem o trovão na sua vida, se vem a tempestade, habite no esconderijo do Altíssimo, procure esconderijo no SENHOR.
"Se o trovão e o mar se erguendo vem, sobre a tempestade eu voarei, sobre as águas Tu também És Rei. Descansarei, pois sei que És Deus..."


Etiene Piris
Fotos: Divulgação

© Temporada das Flores
Maira Gall